Reino Unido planeja bloqueio de pornografia na web

Por Carlos Silvio em 24 de julho de 2013

Operadoras de internet do Reino Unido irão ter por padrão um filtro que impedirá usuários de acessar sites pornográficos. A medida foi anunciada pelo primeiro-ministro David Cameron na segunda-feira (22) e visa evitar que crianças acessem esse tipo de conteúdo, entre outros fatores.

Novos e antigos clientes terão que obedecer a medida. Em relação aos usuários antigos, esses serão contactados pelas empresas até o fim de 2014 para decidir se ativarão ou não o filtro. Traduzindo: Quem quiser acessar conteúdo adulto no Reino Unido terá que solicitar diretamente a operadora de internet.

“Até o final deste ano, novos usuários de internet banda larga terão o filtro instalado automaticamente”, disse Cameron.

Uma das maiores preocupações do primeiro ministro também é em relação a pornografia infantil. A ação de filtros em particular é para impedir que “pessoas doentes” busquem e acessem conteúdos do tipo. Haverá uma lista de termos barrados na busca do país.

Cameron ainda se dirigiu às grandes empresas de busca: “Tenho uma mensagem clara para o Google, o Bing, o Yahoo e o restante dos sites de buscas. Vocês têm o dever de agir neste caso. Se existem obstáculos para vocês agirem, não fiquem parados dizendo que nada pode ser feito. Usem seus grandes cérebros e resolvam o problema”.

Porém algumas vozes são contra a medida como o jornal britânico The Guardian.

Comente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>